Addo Vânio de Aquino Faraco

Nasceu em 1927. Casado com Neli Firminio. Teve três filhos: Adda, Vãnio e Iraides.

Addo era filho e neto de políticos. Foi dirigente do Partido Trabalhista Brasileiro em Criciúma e deputado estadual. Recebia em sua casa o Presidente da República João Goulart.

Apoiava a luta dos mineiros do carvão e era apoiado pelos Sindicatos de Criciúma.

Com Doutel de Andrade idealizou a mais popular estação de rádio de Criciúma, a Rádio Difusora. A emissora do trabalhador  teve sua voz calada pela repressão, dias depois do golpe militar de 1964. Acabou destruída por um incêndio em 1977.

Tudo o que era colocado no ar, passava pela censura, inclusive as músicas. Mas após o comentário de radialista Gil Braz Zabot Correa, que fazia duras críticas ao governo, a emissora foi lacrada pelos militares.

Um militar subiu com uma metralhadora e disse: “fecha tudo” . E realmente a emissora foi fechada.

O militar passou a chave na porta, foi embora, e não foi mais possível abrir a emissora.

Vãnio foi cassado em 12 de junho de 1964 por decreto do governo militar e esteve preso durante seis meses

Nunca desanimou de seus princípios.

Vânio faleceu em 2005.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s